AS CASAS ASTROLÓGICAS

1ª Casa – Tanu Bhava, Casa do Corpo

            Representa a pessoa, sua natureza inata e estado de saúde, vitalidade, longevidade, felicidade, personalidade, aparência, a prosperidade, a disposição geral na vida, cabeça (crânio e testa) e glândulas do cérebro, cabelo, pituitária.
A 1ª Casa é a apresentação do Eu: o tipo de corpo físico e aparência; infância. A 1ª Casa manifesta o poder de todos os Planetas e indica a personalidade, bem como a aparência. Ele pode nos permitir isolar as fraquezas do nosso Signo solar. O Signo solar é o que estamos destinados a ser.
A 1ª Casa diz como começamos as coisas, especialmente como nos apresentamos. Se tivermos Leão na 1ª Casa, nos apresentaremos de uma forma magnânima. Se tivermos Virgem, nos apresentaremos de uma forma detalhada e crítica, em serviço aos outros. Se tivermos Aquário, nos apresentaremos de uma forma indiferente e intelectual.
Esta Casa diz como devemos abordar a vida e também a nossa saúde em geral.   

2ª Casa – Dhana Bhava, Casa de Riquezas 

            Representa riqueza, família, meios de subsistência, nutrição, ensino superior, posição profissional, cônjuge, segundo casamento, a continuidade da vida conjugal, a posse de pedras e metais preciosos, dinheiro em espécie, capacidade, status financeiro, fortuna, prosperidade, imóveis, propriedades, fala, visão, rosto (nariz, garganta, boca, língua, dentes e olhos, especialmente o direito), ossos da face, pescoço superior, garganta, laringe, cerebelo, traqueia, as amígdalas.
A 2ª Casa tem haver com os recursos que temos desenvolvido como resultado de como nos apresentarmos no mundo. Ela também indica a nossa autoestima. Ele indica nossa atitude para com o que possuímos, como podemos obter essas coisas, como nós tratamos ou gerenciamos tais coisas e se nós vamos retê-las ou não.
Naturalmente, isso também significa que a segunda casa está preocupado com a sobrevivência, porque o nosso dinheiro é usado aqui para comprar comida, abrigo, etc, por isso é óbvio que a 2ª também mostra os nossos talentos e habilidades que podemos usar para melhorar a nossa sobrevivência.

3ª Casa – Sahaja Bhava, Casa dos Irmãos

            Representa irmãos ou irmãs mais novos, vizinhos, coragem, força física, esportes, iniciativa, natureza empresarial, o poder de entendimento (de aprendizagem), comunicações, viagens curtas, iniciação em técnicas espirituais, escrita e capacidade comunicativa, parte inferior do pescoço, ombros, braços e orelhas (especialmente os da direita), mãos, ombros e clavículas, glândula tireoide, sistemas respiratório e nervoso.
          A 3ª Casa é sobre a aprendizagem que fazemos,  como ler e escrever. Trata-se de uma tomada de consciência da ignorância e da consciência da capacidade, o que significa saber quando você não sabe algo e saber quando você é capaz de fazer algo se você mantiver sua mente naquilo e for cuidadoso. (O desconhecimento das habilidades floresce na 6ª Casa. O desconhecimento da capacidade significa que você pode fazê-lo sem pensar, como na condução de um carro no piloto automático). É o estilo e a habilidade de se comunicar. Trata-se do ambiente imediato, ao seu redor.

4ª Casa – Matru Bhava, Casa da Mãe

            Representa a mãe, felicidade, educação, apoiadores, veículos, a paz interna, a mente, a paz mental, a confiança, a conduta correta, conforto, luxos, país de nascimento, bens imóveis, bens imobiliários, terrenos, poços e tanques, casa, a caixa torácica, coração, peito, pulmões e seios.
            A 4ª Casa está lida com o que envolve e protege. Preocupa-se com a base, origem ou raiz do Eu. Por isso, inclui: a casa, raízes, história familiar e origens, vida, auto-desenvolvimento, memórias, no passado, a educação, o útero, o fim da vida, a vida interior e fundações. Tradicionalmente, ela mostra a mãe, quando as mães se dedicavam ao lar. Neste sentido, pode referir-se a qualquer pessoa que passa muito tempo a cuidar de casa. A fase final da vida é mostrada aqui e por isso é o que nos tornamos. Matérias a ver com o crescimento e a criação (domesticação): casas, terrenos e jardins.
É secreta e oculta (como todas as Casas de Água) porque ela lida com os assuntos psíquicos. Refere-se também a mente inconsciente (o oculto, Eu secreto).

5ª Casa – Putra Bhava, Casa dos Filhos

           Representa a inteligência, saúde emocional, discernimento e discriminação, intelecto e talentos mentais, memória, inteligência criativa, a felicidade emocional, amor, romance, amantes, ganhos especulativos de investimentos, capacidade de organização, o sucesso, crianças, filhos, conhecimento, sabedoria, treinamento, inclinações, recursos e méritos que trazemos para a vida, futuro, digestão, barriga superior, estômago, fígado, vesícula biliar, pâncreas, baço, cólon, diafragma, coluna vertebral, medula espinhal, gravidez.
            Esta é a casa está associada com o coração ou a fonte de emoções, amor e paixão. Ele diz que as coisas que nos são queridas. É a casa de crianças, auto-expressão criativa e romance. Pode se referir a idéias, ideais, invenções (dependendo dos Planetas e do Signo), ou qualquer coisa, realmente, o que você ama. É sobre tudo o que fazemos de forma criativa. Refere-se ao amor e as relações antes do casamento (a 7ª Casa refere-se ao cônjuge).

6ª Casa – Ripu Bhava, Casa dos Inimigos

            Representa disputas, doenças e lesões, dívidas, inimigos, adversários, concorrentes, ladrões, medos, dúvidas, preocupações, vícios, fraquezas, tios maternos, serviço, funcionários, saúde e proteção contra perdas por roubo, incêndio e trapaças, mal-entendidos, o confronto, cintura, umbigo, abdômen inferior, rins, intestino delgado, parte superior do intestino grosso, função intestinal, apêndice.
            Esta Casa lida com rotinas e necessidades, tais como o trabalho, a saúde, a alimentação, roupas e empregos. Estes são os detalhes da vida e esta Casa conta como você lida com os detalhes e aspectos práticos da vida. Também diz sobre as pessoas que trabalham para e com você. E com a forma como você presta um serviço (trabalho) para os outros. Ela também lida com animais de estimação. Ele também indica a sua atitude em relação à limpeza e ordem. Esta casa refere-se a coisas que você voluntariamente faz, mas só porque você tem que fazê-las, a fim de atingir o conforto, ou algum outro objetivo. Por exemplo, a limpeza da casa é feito por uma questão de ter um lugar confortável para se viver, não porque é legal!

7ª Casa – Kalatra Bhava, Casa do Casamento (Parceiro)

           Representa relacionamentos de longo prazo, os laços jurídicos, cônjuge, parceiros na vida e parceiros em negócios, vitalidade, potência, fertilidade, natureza extrovertida, adultério, conduta moral, prazeres, conforto e uma vida em terras estrangeiras, o sucesso em casos de amor, a vida conjugal , casa no estrangeiro, viagens, comércio ou negócios, expansão, parte pélvica, região lombar, bexiga, parte inferior do intestino grosso, órgãos sexuais internos, como os ovários, útero, colo do útero, testículos e próstata.
            A 1ª Casa trata do Eu, e a 7ª lida com o oposto, isto é, aqueles que você se encontra em uma base do um-à-um e inclui o casamento e parceiros de negócios. Esta Casa também lida com a concorrência. Também com amigos próximos, namoros onde se “juntam os trapos” e outras pessoas em geral. E também contratos, ações judiciais e divórcio. Equilíbrio é a palavra-chave para esta Casa. Mais especificamente, ela indica o primeiro parceiro de casamento, o terceiro irmão e segundo filho.

8ª Casa – Ayu Bhava, Casa da TRANSFORMAÇÃO

            Representa a longevidade, a pesquisa, o interesse em ciências místicas, transformações ocultas internas e externas, eventos passados e futuros, herança, morte, testamento, seguros, ganhos fáceis, dinheiro e renda do parceiro ou cônjuge, vulnerabilidade, medo, acidentes, obstruções, falência, roubo, perdas, desgraça, decepções, ânus e escroto, órgãos sexuais externos, órgãos excretores, ossos pélvicos.
            Recursos comunitários, sexo, questões finais e as instituições financeiras são parte desta Casa. Trata-se do nascimento, morte e renascimento, a reencarnação, cura, o oculto, recursos de outras pessoas (dinheiro), incluindo cartões de crédito, impostos, recursos de parceiros, testamentos, heranças, seguros, impostos, dinheiro não ganho, reciclagem, lixo, poluição, perdas, renúncia, deixar ir. Preocupa-se com o poder - poder sobre os outros e autocontrole. Enquanto a 2ª Casa indica os seus recursos, esta 8ª Casa indica recursos dos, particularmente aqueles do primeiro parceiro.

9ª Casa – Bhagya Bhava, Casa da Sorte

        Representa o pai, preceptor, aprendizado espiritual, inclinações espirituais, a intuição, a caridade, virtude, dever, o destino com base em vidas passadas e a felicidade resultante, meditação, viagens ao exterior, longas viagens e vida em Terras estrangeiras, a educação no exterior, benevolência , sorte, fortuna geral, os ganhos repentinos e inesperados, religião, peregrinações, filosofia, direito, medicina, remédios, coxas, perna esquerda, ossos da coxa, medula óssea, quadris, articulações e sistema arterial.
           Enquanto a 3ª Casa é a Casa da mente, a 9ª Casa é a Casa da mente superior. A 3ª Casa nos dá conhecimento de um tipo básico que podemos usar, se pensarmos sobre o que estamos fazendo. Na 6ª Casa, o nosso conhecimento pode se tornar automático, portanto, o desconhecimento da capacidade. Nosso conhecimento torna-se parte de nós. Já na 9ª Casa podemos pensar mais profundamente e nos níveis mais elevados O coração do ensino superior é a capacidade de considerar várias teorias, pontos de vista, etc, a partir de um ponto de vista objetivo.

10ª – Dharma Bhava, Casa da Carreira

Representa a profissão, carreira, vocação, a promoção, modo de vida, poder, fama, estima pública, status, posição, honra, Karma na vida, autoridade, governo, empregador, ambição, joelho e rótula, articulações e ossos.
A 10ª Casa aponta para onde você está indo. Ela mostra sua carreira, reputação e como você se torna conhecido. Imagem pessoal, autoridade, honra, prestígio, carreira, ambição, organizações, autoridades e empregadores estão representados por esta Casa. Se a quarta casa refere-se à base, raízes e de onde você vem, então a 10ª mostra onde você está indo. Envolve também: objetivos e aspirações, posição social, a pessoa com poder sobre você e do governo. Ele indica o pai de maior influência.

11ª Casa – Labya Bhava, Casa dos Ganhos

            Representa o lucro, prosperidade, ganhos, os amigos, o irmão ou irmã mais velho, esperanças e aspirações e a realização destas, tornozelos, osso da canela, perna direita, orelha esquerda e braço esquerdo.
            Esta é uma Casa de amigos, esperanças e desejos. Ela está preocupada com o futuro. Na 3ª Casa, você tem amigos que são irmãos ou irmãs ou vizinhos. Na 7ª Casa, você tem amigos próximos e parceiros. Já na 11ª Casa os amigos são aqueles que se relacionam com a sua imagem pública. Por exemplo, no trabalho, seus amigos são seus colegas de trabalho. Em uma escala mais grandiosa, o líder de um partido político teria as pessoas nesta Casa como seus amigos ou apoiadores.

12ª Casa – Vyaya Bhava, Casa das Perdas

            Representa despesas, perdas, despesas para caridades, o fim da vida, o exílio, a vida em Terras estrangeiras, obstruções na vida, a separação da família, desapego, retiros, transcendência, iluminação, isolamento, prisão, hospitalização, prazeres da cama, sono profundo, trabalho nos “bastidores”, como o trabalho em um hospital, asilo, prisão, quartéis militares ou mosteiros, etc., olho esquerdo, sistema linfático e pés.
            Esta casa mostra como nós pensamos sobre nossas vidas e como nós pensamos sobre o futuro ou sobre as coisas espirituais.
   Pode se referir a Karma e assuntos espirituais. Esta não é a Casa do Eu, que significa que ele está preocupado com os grandes, impessoais, instituições, como hospitais, prisões, grandes burocracias, o serviço civil, etc. Ou seja áreas onde eles pretendem servir em vez de procurar um lucro e onde os trabalhadores e gestores são um pouco anônimos. Aqui nós pensamos de serviço abnegado. Isto também lida-se a assuntos ocultos. Às vezes isso é porque o bem não é publicado (serviço altruísta, modéstia) e às vezes é porque o mal está escondido.

shakti@astroshakti.com
AstroShakti © 2016. Todos os Direitos Reservados.